A Federação de Surf do Estado do Rio de Janeiro (FESERJ) divulgou nesta sexta-feira (24), em nota oficial, a convocação do surfista Raoni Monteiro para a disputa de bateria única que definirá a vaga de convidado (Wildcard) concedida à entidade carioca na etapa brasileira do Circuito Mundial da WSL em 2017. O palco da competição será o “quintal” da casa do Raoni, a pequena cidade de Saquarema, na Região dos Lagos fluminense. De acordo com a FESERJ, Raoni foi escolhido “como surfista local de Saquarema com maior representatividade no circuito mundial – e que continua em plena forma”. Ele vai entrar na água contra Jessé Mendes, Lucas Silveira e um atleta indicado pela associação local para definirem quem competirá como convidado no evento principal.

O WT Rio Pro 2017 acontece entre os dias 09 e 20 de maio no Rio de Janeiro. Raoni esteve entre os melhores competidores do mundo por quase uma década. Para ele, a notícia não poderia ter vindo em melhor momento:

“Estou muito feliz com essa notícia. Acabei de vencer uma competição no último final de semana (Jogos Cariocas de Verão) e ficar sabendo hoje que fui um dos escolhidas pela FESERJ para o trials é muito bom. Só mostra que estou no caminho certo e colhendo os bons frutos de toda a minha dedicação e treinamento. Estou com muita vontade de estar na água fazendo o que mais amo”, declara Raoni. E ele finaliza:

“Eu passei os últimos anos da minha vida representando o Brasil. Poder fazer isso em uma etapa em Saquarema é a realização de um sonho. Sempre quis participar de um evento de alto nível do surf aqui, porque acho que as ondas de Itaúna, da Barrinha, ou da Vila têm potencial internacional. Representar o meu país, na minha casa, junto da minha família e dos meus amigos… não poderia ser melhor”.

Confira, na íntegra, a nota da FESERJ:

FESERJ informa:
Em relação à vaga de convidado (wildcard) concedida pela organização do WT Rio Pro 2017 à Federação de Surf do Estado do Rio de Janeiro, a nova diretoria da FESERJ informa que, considerando que em 2016 não houve um circuito brasileiro de surf profissional como também não houve um circuito estadual de surf profissional, e visando privilegiar os atletas que se dedicam (ou se dedicaram) ao circuito mundial de surf profissional promovido pela WSL, decidimos, em acordo com a organização do evento, que esta vaga será disputada em uma bateria única de triagem, com 30 minutos de duração, composta por quatro atletas:
1. Jessé Mendes (como o surfista brasileiro mais bem colocado no ranking atual do WQS).
2. Lucas Silveira (como surfista do nascido no Estado do Rio de Janeiro mais bem colocado no ranking atual do WQS).
3. Raoni Monteiro (como o surfista local de Saquarema com maior representatividade no circuito mundial – e que continua em plena forma).
4. Atleta indicado pela associação local (Associação de Surf de Saquarema).
Possíveis substitutos (alternates) serão os atletas brasileiros no ranking da divisão de acesso ao WT (WQS), seguindo a ordem do ranking. Por exemplo, os quatro primeiros alternates hoje seriam: Yago Dora, Alex Ribeiro, Alejo Muniz, e Willian Cardoso.
A bateria de triagem da FESERJ será realizada no 1º dia do campeonato, antes do início do evento principal.
Desde já agradecemos a atenção e compreensão de todos.
Obrigado!